Vereador Cuamba de Alto Alegre é condenado à perda de mandato

You are currently viewing Vereador Cuamba de Alto Alegre é condenado à perda de mandato
O vereador Cuamba foi acusado pelo MPE de distribuição irregular de cestas básicas antes da eleição

O vereador por Alto Alegre, João Eli Sousa Silva, mais conhecido como “Cuamba” foi condenado à perda do mandato por abuso de poder político e econômico no pleito de 2020, quando foi reeleito. O autor da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) contra o parlamentar foi o Ministério Público Eleitoral (MPE).

Cuamba e os candidatos a prefeito e vice-prefeito Uesley Cunha Santiago e Raimundo Nonato Mourão de Melo foram beneficiados com a distribuição irregular de cestas básicas à população e posterior divulgação do evento em redes sociais, em período anterior à eleição, conforme acusação do Ministério Público.

“Observa-se a toda evidência que os investigados Uesley Cunha Santiago e João Eli, parlamentares, promoveram a distribuição de cestas básicas como forma de obter apoio e votos, destacando o caráter pessoal e promocional das entregas, o que caracterizou quebra da normalidade do processo eleitoral e paridade entre os players, bem como explícita pretensão de influir na manifestação de vontade do cidadão, ou seja, praticaram captação de sufrágio”, destacou o Promotor de Justiça Paulo André Trindade, em trecho da Ação.

Além da cassação do registro de candidatura e consequente perda do mandato do vereador cassado, Cuamba, e os outros dois réus também foram condenados à inelegibilidade por oito anos e multa individual fixada em 20 mil UFIR´s. Os réus ainda podem recorrer da sentença.

Leia mais sobre política no #BlogdoLuizValério

Luiz Valério

Jornalista, escritor, blogueiro e podcaster. Especialista em Comunicação Social e Novas Tecnologias. Profissional de Marketing Digital. Fundador e Editor-chefe do Jornal Roraisul. (Uma ousadia e aventura inesquecível com meu sempre amigo Osmar Morais).

Deixe um comentário