Hospital de Rorainópolis passa por inspeção antes da inauguração da maternidade

You are currently viewing Hospital de Rorainópolis passa por inspeção antes da inauguração da maternidade
Equipe técnica realiza inspeção em hospital antes da inauguração da maternidade

Esta semana a equipe técnica da Sesau (Secretaria de Saúde) reforçou o trabalho de levantamento das necessidades no interior do Estado. A equipe esteve na sede do Rorainópolis, onde foi realizada uma vistoria técnica no Hospital Regional Sul Ottomar de Souza Pinto.

O objetivo é identificar as necessidades na parte estrutural do prédio para definição dos últimos detalhes necessários para realizar a entrega da maternidade ao município, uma das obras do Governo de Roraima, realizadas para levar saúde de qualidade aos moradores do sul do Estado de Roraima.

Conforme o governador Antonio Denarium, a saúde é prioridade máxima para o Governo de Roraima. “Estamos trabalhando incansavelmente para oferecer atendimento de qualidade na saúde pública estadual. Com essa unidade hospitalar inaugurada e em pleno funcionamento, vamos oferecer atendimento de qualidade aos moradores do sul do Estado e desafogar a Maternidade Nossa Senhora de Nazareth, na capital”, afirmou.

De acordo com o secretário de saúde, Marcelo Lopes, a chegada da maternidade será um marco na saúde para aquela região. “É um retrato da gestão do Governo Denarium, porque é uma obra que teve início, meio e fim. É diferente do que a gente via antes, nas gestões passadas, e dessa vez vimos também o empenho da própria empresa construtora, que teve uma dedicação para que a entrega ocorresse no prazo certinho. Esse é um avanço para a saúde, pois poderão ser feitos partos conforme preconiza as diretrizes do Ministério da Saúde”, disse.

A visita técnica serviu para verificar os ambientes e as instalações para a realização das ambiências dos setores de parto, enfermarias e setores de imagem, incluindo ultrassom e radiologia. A obra está com 99% executada e poucas adequações que precisam ser feitas, como correção de algum ponto hidráulico ou elétrico e instalação da parte de climatização.

Para o diretor do hospital, Elcio Alves, a maternidade é uma obra que trará mais tranquilidade e conforto para a população do sul do Estado, que compreende cerca de 90 mil habitantes, além de refletir mais qualidade no atendimento prestado atualmente. “Teremos mais profissionais e, com isso, poderemos reforçar o serviço realizado atualmente e oferecer um atendimento ainda mais humanizado às nossas mamães”, complementou.

A maternidade terá disponibilidade inicial de 40 leitos, com a expectativa de trabalhar com o funcionamento de até 60, e a realização de 10 a 15 partos por dia. “Com isso, vai desafogar muito o fluxo da maternidade em Boa Vista, uma vez que Rorainópolis atende também pacientes de Caracaraí, Caroebe, São João da Baliza, São Luiz e até de Presidente Figueiredo, ou seja, com o serviço podendo ser realizado de forma ampla e estruturada na própria unidade, não será mais necessário encaminhar os pacientes para a capital”, ressaltou o diretor.

Para a coordenadora de enfermagem da unidade, Elinalda Pereira Rocha, a nova obra chega como um sonho realizado para a turma de enfermeiros obstetras.

“Para mim, esse será um sonho realizado, porque agora temos a oportunidade de atuar no ramo como queríamos. Nós queremos passar para a mulher mãe uma grande segurança, que virá de um serviço de enfermagem qualificado em obstetrícia. Todos estamos ansiosos para atuar nessa nova maternidade, com um trabalho de excelência, uma vez que teremos um espaço novo e totalmente adaptado para a parturiente”, enfatizou.

Luiz Valério

Jornalista, escritor, blogueiro e podcaster. Especialista em Comunicação Social e Novas Tecnologias. Profissional de Marketing Digital. Fundador e Editor-chefe do Jornal Roraisul. (Uma ousadia e aventura inesquecível com meu sempre amigo Osmar Morais).

Deixe um comentário