You are currently viewing Governo recupera ponte de madeira na vicinal 1 no Cantá
Foto: Charles Bispo

Governo recupera ponte de madeira na vicinal 1 no Cantá

Por meio da Seinf (Secretaria de Infraestrutura), o Governo de Roraima trabalha na recuperação e reconstrução de pontes de madeira para melhorar a trafegabilidade das estradas. Na área rural do Cantá, a vicinal 1, do Taboca ganhou uma nova ponte, com extensão de 25 metros.

O trabalho é executado por meio do programa Aqui tem Obra e visa proporcionar maior segurança e trafegabilidade aos motoristas, moradores e produtores rurais que utilizam a via diariamente.

A maioria dos serviços de construção de pontes e recuperação de estradas é executada com recursos próprios do Governo do Estado de Roraima, que prioriza os investimentos na infraestrutura viária para dar meios para o desenvolvimento das atividades econômicas do interior.

“Todas as nossas estradas e rodovias, sejam elas pavimentadas ou não, são importantes para a economia do nosso Estado. Elas são as rotas de escoamento da produção agrícola dos pequenos, médios e grandes produtores rurais. Agora entregamos para todos uma ponte com uma nova estrutura”, pontuou o governador Antonio Denarium.

Ainda no município do Cantá, outra obra muito aguardada pelos moradores é a pavimentação da estrada Tronco/Malacacheta, região que também dá acesso à Taboca. O trecho de 11 quilômetros que receberá pavimentação asfáltica, já passa pelo serviço de terraplanagem e os trabalhos incluem ainda melhorias em galerias e bueiros e a substituição de uma ponte de madeira com 15 metros de extensão, localizada no igarapé do Inácio.

Essa obra conta com recursos originários de emenda parlamentar do deputado federal Jhonathan de Jesus e contrapartida do Governo do Estado, no valor de R$ 8 milhões.

Luiz Valério

Jornalista, escritor, blogueiro e podcaster. Especialista em Comunicação Social e Novas Tecnologias. Profissional de Marketing Digital. Fundador e Editor-chefe do Jornal Roraisul. (Uma ousadia e aventura inesquecível com meu sempre amigo Osmar Morais).

Deixe um comentário