Estácio – Dicas para entrar no mercado de trabalho com sucesso

You are currently viewing Estácio – Dicas para entrar no mercado de trabalho com sucesso
Estar preparado acadêmica e psicologicamente nunca foi tão essencial

Desde a pandemia, a população brasileira tem enfrentado grandes desafios, como o desemprego. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no terceiro trimestre de 2021 o número de desempregados chegou a 13,5 milhões de brasileiros. Sendo assim, estar preparado acadêmica e psicologicamente nunca foi tão essencial quanto hoje na hora de uma admissão. Especialistas compartilham algumas alternativas para contornar as dificuldades impostas pelo mercado de trabalho.

De acordo com a professora Jessik Custódio, coordenadora do curso de Psicologia da Estácio da Amazônia, o impacto dos aspectos emocionais nesse processo de colocação no mercado de trabalho tem sido discutido mais do que nunca, uma vez que a garantia de produtividade só acontece quando se tem saúde mental.

Estamos percebendo um maior movimento dos candidatos em alinhar as condições de trabalho da vaga que querem ocupar com a qualidade de vida que querem ter, isso significa que as pessoas estão buscando ser mais conscientes sobre as pressões que o próprio mercado exerce sobre os trabalhadores bem como sentem que é importante priorizar sua saúde”, explica.

Ela acredita que a ajuda profissional pode contribuir para uma melhor escolha. “A orientação vocacional tem a capacidade de perceber o sujeito em sua integralidade, evocar seus projetos de vida e sugerir caminhos alternativos para quem está buscando avançar na carreira”,

Além disso, a presença de uma graduação e pós-graduação acabam se tornando diferenciais para uma contratação. Segundo a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior (Capes/MEC), nos últimos oito anos o número de cursos de pós-graduação aumentou em média 9% ao ano.

Para atender demandas psicopedagógicas dos alunos, assim como também o corpo docente e administrativo da instituição, a Estácio possui o Núcleo de Apoio e Atendimento Psicopedagógico (NAAP). O atendimento especializado presta suporte aos alunos com dificuldades de aprendizagem de qualquer natureza, assim como aqueles que possuam alguma outra necessidade educacional especial.

O Núcleo conta com uma equipe multidisciplinar especializada e com os professores, que trabalham em parceria com a coordenação de cada curso para garantir o acolhimento, o acompanhamento do processo de aprendizagem, a inclusão e o fortalecimento do aluno que enfrenta dificuldades na rotina de estudos.

Alexsandra Samapio, jornalista. 

Deixe um comentário