You are currently viewing BR-174 SUL – Tráfego está liberado na manhã deste sábado
Os serviços de recuperação de parte da pista no Km 233 da BR-174, que foi seriamente danificada após o transbordamento do rio Anauá, começaram ainda na noite dessa sexta-feira

BR-174 SUL – Tráfego está liberado na manhã deste sábado

Após o trabalho intenso das equipes do Governo de Roraima, com apoio do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), do 6º BEC (Batalhão de Engenharia e Construção) e da Prefeitura de Rorainópolis, o tráfego no trecho sul da BR-174 foi liberado na manhã deste sábado, 22.

Os serviços de recuperação de parte da pista no Km 233 da BR-174, que foi seriamente danificada após o transbordamento do rio Anauá, começaram ainda na noite dessa sexta-feira, 21, após interdição total do trânsito. Por volta das 19 horas, a equipe da Seinf (Secretaria de Infraestrutura) chegou ao local com maquinários e materiais para iniciar o reparo da rodovia.

“A maioria das 100 carretas que estavam na fila já conseguiu atravessar, porque a partir das 2 horas da manhã o volume das águas começou a diminuir e os trabalhos foram intensificados. As informações de agora é que já não há mais filas de caminhões naquele trecho. O trânsito já está liberado, mas as empresas continuam trabalhando para melhorar a trafegabilidade nesse ponto da rodovia”, ressaltou o secretário de Infraestrutura, Edilson Damião.

O governador Antonio Denarium destacou o empenho das equipes do Governo do Estado para auxiliar os municípios afetados pelas cheias de rios e igarapés, ocasionadas pelas chuvas das últimas semanas.

“A Defesa Civil e a Secretaria de Infraestrutura estão dando total apoio. Estamos atendendo prontamente, inclusive com o envio de cestas básicas para a população que está em situação de isolamento. O governo fez e continua fazendo sua parte”, explicou Antonio.

A maioria dos municípios, cujas estradas e pontes estão sendo danificadas pelas cheias, dispõe de rotas alternativas e, quando não há outras opções de acesso, estão sendo atendidos pela Defesa Civil, com a utilização de canoas para o translado de pessoas.

“Assim que as águas cessarem, vamos recompor as estradas ou pontos específicos e as pontes. Dependemos muito das condições climáticas dessas localidades para efetuar os serviços”, concluiu o secretário Damião.

Luiz Valério

Jornalista, escritor, blogueiro e podcaster. Especialista em Comunicação Social e Novas Tecnologias. Profissional de Marketing Digital. Fundador e Editor-chefe do Jornal Roraisul. (Uma ousadia e aventura inesquecível com meu sempre amigo Osmar Morais).

Deixe um comentário